PLEITOS MUNICIPAIS: Empresários e servidores são maioria entre os candidatos em MT

Empresários e servidores públicos são maioria entre os 12.591 postulantes a cargos municipais em Mato Grosso, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

 

Em levantamento feito pela reportagem nesta quarta-feira (30), dos candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereadores no Estado, 930 se declararam empresários, enquanto 773 relataram ser servidores públicos municipais, 207 são servidores públicos estaduais e 36 trabalham em setores públicos de órgãos federais.

 

Outros 664 declararam ser vereadores, enquanto 660 comerciantes. As donas de casa ocupam a 5ª posição entre as ocupações mais declaradas, com 653 candidatas, enquanto 505 afirmaram ter na agricultura a sua fonte de renda.

 

Ao todo, foram relatadas 176 ocupações diferentes. No entanto, 2.420 candidatos marcaram ter outras fontes de renda não especificadas. 

 

Educação e Segurança

 

Do total de postulantes, 529 declararam que são professores, divididos entre ensino fundamental (284), ensino médio (211) e ensino superior (34). Além disso, outros 75 se declararam pedagogos.

 

Setenta e nove policiais militares e 45 policiais civis se afastaram das funções para concorrer nas eleições, bem como sete bombeiros militares. 

 

Militares reformados também se lançaram ao pleito municipal, sendo a ocupação relatada por 13 dos candidatos. Outros cinco afirmaram ser das Forças Armadas e quatro atuam como bombeiros civis.

 

Saúde

 

Mais de 300 candidatos declararam profissões ligadas à área da saúde. Conforme o levantamento, nas eleições deste ano há quatro biomédicos, 90 enfermeiros, 44 médicos, 31 dentistas, um fonoaudiólogo e 28 psicólogos.

 

Além deles, também participam do pleito 10 fisioterapeutas ou terapeutas ocupacionais, 101 técnicos de enfermagem ou áreas semelhantes, cinco técnicos de laboratório ou raio-X, cinco nutricionistas ou assemelhados e 31 farmacêuticos.

 

Outras ocupações

 

Segundo o TSE, 55 dos postulantes se declararam prefeitos, enquanto três são deputados.

Outros 23 candidatos são sacerdotes ou membros de ordem ou seita religiosa e 194 se apresentaram como advogados. Além disso, 213 aposentados (exceto servidor público) decidiram concorrer nas eleições.

 

Há casos de representantes únicos de sua profissão. São eles: bibliotecário; escritor e crítico; historiador; jornaleiro; modelo; operador de equipamento médico e odontológico; operador de instalação de produção de energia elétrica e nuclear; piloto de aviação comercial, navegador, mecânico de vôo e assemelhados; programador de computador; relojoeiro e montador de instrumento de precisão; securitário; sociólogo; técnico de mineração, metalurgia e geologia; trabalhador de hotelaria; trabalhador de minas e pedreiras, sondador e assemelhados. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Últimas Notícias
Please reload

124-1245658_inscreva-se-youtube-focolhe-
Banner Denuncie.jpg

 

©2017 - 2020 - Portal Sinop Urgente

Todos os direitos reservados

sinopurgente@hotmail.com

fernandoitamir@hotmail.com

Fernando Itamir - (66) 99223-1700